Sinopse

Dois homens encontram-se num espaço indefinido. Dialogam entre si, dialogam consigo próprios.

Não são mais do que aquilo que fazem e dizem naquele momento concreto, não têm vidas para trás ou para a frente. Só existem ali, na peça.

Usam imagens para dar sentido às palavras e não palavras que dão sentido a imagens (verdadeiras, falsas??).

Usam-nas como se de uma partitura se tratasse, têm tempos, tons, pausas, interrupções, sobreposições.

Quanto ao texto em si...Um texto não se explica, é a sua própria explicação.

 

 

Ficha Artística e Técnica

Autor Jacinto Lucas Pires
Direcção de Projecto e Espaço Cénico Jorge Silva
Interpretação João de Brito e João Pedro Dantas
Assistência à Encenação Anna Eremin
Desenho de Luz Tasso Adamopoulos
Fotografia e Vídeo José Sena Goulão
Música/Sonoplastia Filipe Melo
Design Gráfico Emanuel Serôdio
Direcção de Produção Joana Ferreira
Produção Executiva Daniela Sampaio
Produção Teatro dos Aloés em parceria com Associação LAMA

 

 

Locais dos Espetáculos

5 e 6 de Julho de 2015, Festival Internacional de Teatro de Almada
15 a 26 de Julho de 2015, Recreios da Amadora
12 de Dezembro de 2015, Cineteatro Louletano